Um feliz Natal para você

Um feliz Natal para você

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Bolsas para escolas particulares de Americana

Rádio Azul Celeste
O Educa Mais Brasil, programa de inclusão educacional que oferece bolsas de estudo de 50% para escolas, está com inscrições abertas para o ano letivo de 2014. Em Americana as vagas são para Educação Infantil, Ensino fundamental e Ensino Médio. 

Para concorrer a uma das mais de 37.600 bolsas disponibilizadas para São Paulo, os pais ou responsáveis pelo candidato devem realizar gratuitamente a inscrição através do site www.educamaisbrasil.com.br, onde estão listados os colégios e ciclos disponíveis. “O principal critério de seleção para o ensino básico é não ter condições de arcar com 100% das mensalidades da instituição”, explica Andréia Torres, diretora de Expansão e Relacionamento do Educa Mais Brasil. 

Mais informações sobre o programa estão disponíveis no site www.educamaisbrasil.com.br e através da central de atendimento nos telefones 0800 724 7202/ 0800 724 7775.

Pauta do STF contém matérias de interesse dos trabalhadores

Ag. Diap
Advogados trabalhistas têm chamado atenção para o fato de que neste ano o Supremo Tribunal Federal (STF) dará a última palavra em matérias de interesse dos trabalhadores que poderão alterar as relações entre empregadores e empregados.

Pelo menos três questões importantes estão na pauta dos ministros: a possibilidade de demitir sem justificativa, a necessidade de negociação sindical para demissão em massa e o direito de grevistas fazerem manifestações em locais de trabalho. A depender das decisões, os empregadores serão obrigados a rever o passivo trabalhista dos últimos cinco anos.


Demissão imotivada
O julgamento que trata da possibilidade de demissão imotivada foi iniciado em outubro de 2003. Apesar de a possibilidade estar prevista na Constituição, a questão foi parar no Supremo porque, em 1992, o Brasil se tornou signatário da Convenção nº 158 da Organização Internacional do Trabalho (OIT). Assinada por diversos países europeus, a convenção estabeleceu que o empregador só pode dispensar o funcionário com "motivo justo".


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...