Um feliz Natal para você

Um feliz Natal para você

sexta-feira, 17 de junho de 2016

Diretoria da CNTC recebe ministro do Trabalho




Fonte/Foto: CNTC
A diretoria efetiva da Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio (CNTC) recebeu na tarde desta terça-feira (14), na sede da entidade em Brasília (DF), o ministro do Trabalho Ronaldo Nogueira.

O encontro teve como objetivo estreitar laços com o ministério do Trabalho, levantar questões para o debate no universo trabalhista e colocar a CNTC como uma entidade aberta ao diálogo na busca por soluções para o desemprego e a crise econômica.

O presidente da CNTC, Levi Fernandes Pinto manifestou satisfação com a visita. “É um momento importante, que fica marcado na história da CNTC. Fizemos questão de apresentar nosso trabalho em nome de milhões de trabalhadores por nós representados. Queremos manter o diálogo e participar ativamente no processo de construção de soluções que beneficiem os comerciários”.

Previdência e fechamento do Março Mulher foram temas de encontro das mulheres da Força


Fonte: Força Sindical
Dirigentes sindicais de várias categorias estiveram presentes no encontro realizado pela secretaria Nacional de Políticas Públicas para as Mulheres da Força Sindical nesta terça-feira (14). Durante o encontro, realizado na sede da Central, em São Paulo, as sindicalistas debateram a reforma da previdência, a retirada da Secretaria Especial de Políticas para Mulheres do Governo Federal e fizeram uma avaliação do fechamento Março Mulher.

Maria Auxiliadora, secretaria da Nacional das Mulheres, ressaltou que a luta deve ser unitária para enfrentar o momento de crise para que nem as trabalhadoras e nem os trabalhadores sejam penalizados com a retirada de direitos. “Defendemos a a Igualdade de Oportunidades e de Tratamento para Trabalhadoras e Trabalhadores com Responsabilidades Familiares, e repudiamos a perda de direitos que virá com a reforma da Previdência”, declara Auxiliadora.

Segundo Helena Ribeiro, secretária Estadual de Politicas para as Mulheres da Força Sindical SP, as decisões sobre a Previdência devem realmente passar por um profundo debate envolvendo o governo, trabalhadores e patrões, mas sem esquecer a participação das mulheres. “Se observarmos hoje nas discussões que cercam o tema não temos a participação de nenhuma mulher nas mesas de negociação”, ressaltou.

A igualdade de oportunidades entre homens e mulheres é uma bandeira da Central desde a sua fundação lembrou o presidente da Força Sindical/SP, Danilo Pereira. “Nossas mulheres devem estar cada vez mais mobilizadas para mostrar a sua força e evitar a retirada de direitos”.

É crime!

Fonte:Conselho Nacional de Justiça - CNJ

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...