.

.

terça-feira, 17 de abril de 2018

Aprovada pauta de Factoring

Helena, presidenta do SEAAC
Os empregados em factoring e securitizadoras de crédito aprovaram a pauta de reivindicações apresentada pelo SEAAC de Americana e Região, em assembleia ocorrida  nesta segunda-feira (16), às 17h30, na sede da entidade (Rua Bolivia, 186, Vila Cechino, Americana). Agora, as reivindicações serão encaminhadas para a negociação, visando renovar a Convenção Coletiva, com data-base em 1º de julho. 

As principais cláusulas de caráter econômico constantes da pauta são piso salarial de R$ 1.305,00 para empregados em geral e R$ 1.190,00 para serviços de limpeza e office-boy; reajuste de 6% mais 1% a título de aumento real e valorização da categoria; vale refeição de R$ 25,00 por dia trabalhado; auxílio-creche de 10% do maior piso por filho até 6 anos de idade e PLR de R$ 535,00, acrescido de 16% do salário nominal do empregado para empresas que não implantarem o programa de Participação nos Lucros e Resultados. 

 A presidenta do SEAAC disse que está acreditando em negociações difíceis este ano. Para Helena, a reforma trabalhista, aliada ao momento econômico do país e a inflação oficial que vive sendo apresentada abaixo do que os trabalhadores sentem no bolso, dificulta o avanço conforme a categoria espera. “Mas vamos lutar como sempre e, muito, para garantir avanços e manter conquistas históricas”, finalizou. 

Calor acima do limite é insalubridade

Conselho Superior da Justiça do Trabalho - CSJT
São consideradas atividades ou operações insalubres aquelas que, por sua natureza, condições ou métodos de trabalho, exponham os empregados a agentes nocivos à saúde, acima dos limites de tolerância fixados em razão da natureza e da intensidade do agente e do tempo de exposição aos seus efeitos.

Disque Denúncia 181

Conselho Nacional de Justiça - CNJ

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...