Um feliz Natal para você

Um feliz Natal para você

segunda-feira, 5 de maio de 2014

Helena participa das celebrações ao 1º de Maio da Força Sindical


Fonte/Fotos: Feaac
As comemorações do 1º de Maio da Força Sindical, a maior festa do Dia dos Trabalhadores de todo o mundo, levaram, para a Praça Campo de Bagatelle, na Zona Norte de São Paulo, 1,2 milhão de pessoas. A dirigente Helena Ribeiro da Silva esteve no evento, juntamente com comitiva do SEAAC de Americana e Região, representando a FEAAC. Entre as autoridades presentes, participaram do evento os presidenciáveis Aécio Neves e Eduardo Campos – a presidenta Dilma foi representada pelo ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho; o presidente do Solidariedade, Paulinho da Força; o deputado federal Eduardo Cunha, líder do PSDB na Câmara; o ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias. 

Mas, muito mais do que um evento apenas festivo e comemorativo, com grandes shows de artistas renomados da nossa Música Popular Brasileira, o Dia do Trabalhador representou um dia de reflexão e luta, no qual dirigentes sindicais, trabalhadores e autoridades ergueram suas bandeiras em defesa da classe trabalhadora e em protesto contra o governo, que se nega a conversar com as Centrais Sindicais e acena com a possibilidade da retirada de conquistas históricas da classe trabalhadora. 

Miguel Torres, presidente da Força Sindical, destacou que “a grandeza do evento, com toda a estrutura apresentada, só foi possível graças ao apoio dos Sindicatos filiados à Central, seus dirigentes, trabalhadores e dos parceiros”. Durante o ato, Torres solicitou que o público presente demonstrasse o seu apoio a duas propostas da Força Sindical, a da realização de um ato no dia 15 de maio de algumas categorias com data-base no primeiro semestre e de um outro ato no dia 6 de junho, com todas as categorias. Ambos os atos foram aprovados por unanimidade. 


Regras para portabilidade de crédito com recursos do FGTS entram em vigor

As novas regras para portabilidade de crédito imobiliário com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) começam a valer hoje (5). Conforme a norma, o cliente pode transferir o saldo devedor do imóvel para outro banco que ofereça juros mais baixos. Após escolher o melhor plano, o novo banco pagará a dívida original, e o contrato passará a valer. A modalidade está disponível em todos os bancos, além da Caixa Econômica Federal.

De acordo com a Circular 650, da Caixa, operadora do FGTS, publicada no dia 22 de abril, o valor e o prazo da operação não podem ser superiores ao saldo devedor e ao prazo remanescente da operação de crédito. Outra regra é que o sistema de amortização da operação de crédito objeto da portabilidade não pode ser alterado.



Se houver divergência entre as informações enviadas pelos bancos, a Caixa poderá rejeitar a transferência da dívida ou solicitar a complementação de informações. De acordo com a circular, os motivos que podem implicar negativa da transferência da dívida são o não recebimento de informações dos bancos envolvidos e o fornecimento de dados cadastrais e financeiros inconsistentes. O custo operacional acordado entre as instituições financeiras para fazer a portabilidade não poderá ser cobrado ou repassado ao devedor.




Também entram em vigor hoje (5) novas regras para portabilidade de outras operações de crédito e de arrendamento mercantil (leasing). 

Acidentes de trabalho matam mais de 155 mil pessoas no país

Diário do Litoral
28 de abril foi o Dia Internacional dos Acidentados no Trabalho e segundo dados divulgados pelo anuário estatístico do INSS, em 42 anos, foram registrados 38.181.856 milhões de acidentes e doenças do trabalho em todo o país. Destes, 558.261 mil, foram afastados por incapacidade permanente e, 155.761 trabalhadores perderam suas vidas nos locais de trabalho. 

Diante deste número alarmante de acidentes, mortes e invalidez, o País vai sediar de 10 a 13 de novembro deste ano a 4ª Conferência Nacional de Saúde do Trabalhador, em Brasília.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...